Energia Solar é tendência para aumentar lucro de produtores rurais no Brasil!!!

A energia solar, deixou de ser uma novidade de pessoas curiosas e interessadas apenas em conservação de nosso planeta, além destes indivíduos o crescente investimento em sistemas de geração de energia solar por parte de produtores rurais brasileiros, tem alavancado a redução de custos na produção.

A fonte solar fotovoltaica é uma ferramenta importante para o empreendedor rural. Com ela, ele pode mostrar seu engajamento com a sustentabilidade, já que é uma energia limpa, sustentável e silenciosa. Além disso, não é poluente, não utiliza água e é muito fácil para o produtor usar.

Plínio Nastari, presidente e fundador da Datagro Consultoria, enfatiza as diversas formas de empregar a energia solar no campo. "Quando olhamos as aplicações dos produtores, vemos que são inúmeras atividades diferentes onde a solar está participando. Entre elas, o bombeamento de água, irrigação de plantações, transporte de água para os animais, tanques de piscicultura, refrigeração de leites e carnes, iluminação, partes de cercas elétricas e sistemas de vigilância e comunicação, levando a internet para os produtores", destacou o executivo.

Assim como o Agro vem crescendo ao longo dos anos, se tornando um dos setores mais ricos do Brasil, com um terço da riqueza do país, a presença da energia solar também vem aumentando no campo.


Segundo a ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica), 13,2% de todos os investimentos em geração solar fotovoltaica de pequeno porte são feitos por produtores rurais.


Plínio Nastari, também salientou a importância da energia solar em regiões rurais. “Eu acrescentaria todas as aplicações do plantio e colheita por GPS. Toda essa digitalização depende de torres em locais remotos. Como esses locais, sem ligação elétrica, vão sustentar uma torre em um campo de 10 mil hectares? Tem que ser com energia solar. A modernização do campo e a aplicação de técnicas agrícolas modernas está muito relacionada à utilização dessa tecnologia”. Além disso, a possibilidade de desenvolvimento permeada pela energia solar. “A fonte solar é o que pode levar, por exemplo, a possibilidade de educação à família desses produtores rurais, que estão em regiões remotas, como o acesso à internet e energia elétrica que dá conforto e facilita a vida”, Plínio Nastari.


Em outras palavras a geração de energia solar no campo, é um forma de trazer a luz elétrica, sem a necessidades de quilômetros de linhas de distribuição, ou se já houver energia elétrica ao ser utilizada, torna mais eficaz a produção e utilização de todas as demais tecnologias que ajudam o produtor rural a ser cada dia mais competitivo.


Veja algumas das melhores linhas de crédito disponíveis para que o produtor rural possa financiar o seu sistema de energia solar fotovoltaica:

1. BANCO DO NORDESTE (BNB) – FNE SOL

Linha de financiamento destinada à aquisição de sistemas de micro e mini geração distribuída de energia a partir de fontes renováveis. A taxa de juros varia entre 6,5% e 11% ao ano, de acordo com o porte do cliente. O prazo é de até 12 anos.

2. SANTANDER – LINHA SUSTENTABILIDADE

Essa linha de financiamento busca incentivar a utilização de fontes renováveis, como a solar fotovoltaica, por meio do parcelamento das instalações dos sistemas fotovoltaicos. A taxa de juros varia de 1,10% a 1,45 ao mês. O prazo é de até 36 meses.

3. BANCO DO BRASIL (BB) – INOVAGRO

Linha de crédito para ampliar ou modernizar empresas. A taxa de juros varia bastante de acordo com o relacionamento que o cliente possuir com o banco. O prazo é de até 72 meses para o financiamento.

4. SICREDI

Esse financiamento é uma linha de crédito específica para a aquisição de tecnologias (equipamentos e softwares) que se beneficiem de energia solar. As taxas de juros variam entre 1% e 3% ao mês, condicionadas a análises de crédito. O prazo é de até 60 meses.

5. BANCO DA AMAZÔNIA – FNO ENERGIA VERDE

Linha de crédito com o objetivo de estimular a utilização da energia solar na região norte do Brasil. A taxa de juros gira entre 0,59% ao mês e 1,02% ao mês, variando de acordo com o tamanho da empresa. O prazo limite é de 144 meses, incluindo até 48 meses de carência.

6. BANCO DO BRASIL (BB) AGRO – PRONAF

A linha de crédito Pronaf Eco do BB destina-se para aqueles produtores rurais que se preocupam com o meio ambiente e que desejam investir em soluções ambientais. A taxa de juros é de 2,5% a 5,5% ao ano. O prazo é de até 12 anos, com até oito anos de carência.

7. BANCO DO BRASIL (BB) – FCO

Esse programa utiliza recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO), criado pelo governo para fomentar o desenvolvimento econômico e social. A taxa de juros é de acordo com as taxas FCO.

8. BANCO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO (BNDES) – FINAME

Esta linha financia máquinas e equipamentos pelo BNDES. A taxa de juros é de acordo com as taxas FINAME. O prazo é de até 18 anos.

9. CAIXA ECONÔMICA FEDERAL – CONSTRUCARD

Nesta linha, você utiliza o cartão Construcard (por tempo determinado – seis meses – para comprar tudo que precisar) para adquirir um sistema de energia solar fotovoltaica. A taxa de juros é entre 1,40% e 1,85% ao mês. O prazo é de até 240 meses.


Ainda tem dúvidas!!!


Sem problemas qual é a sua dúvida?

Conte para nós clicando aqui!!!!


Estamos a sua disposição para responder e deixar você totalmente informado a respeito desta tecnologia incrível!!!!

Compre agora mesmo!!

Um Sistema de Energia Solar é uma energia renovável, gerada através de painéis fotovoltaicos e microinversores APSystems

  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black Instagram Icon
  • Preto Ícone YouTube
  • Pinterest - Black Circle
  • TikTok
  • whatsapp-logo-4
Avalie-nosRuimNão muito bomBomMuito bomÓtimo!Avalie-nos

FORMAS DE PAGAMENTO:

Nossos Contatos

Avenida Hélio Seno, 639 - Interlagos - Buritama - São Paulo - Brasil 

atendimento@solideal.com.br  |  (18) 99663-8041

PARCEIROS E REPRESENTANTES:

Design sem nome.jpg